Como Escolher Cadeiras Para Escritório

cadeiras para escritório

Como Escolher Cadeiras Para Escritório

Se já deu uma vista de olhos na nossa loja sabe que temos uma grande variedade de produtos para espaços profissionais. O Mobiliário Para Escritório é uma das áreas em que a nossa oferta é vasta e que pode confundir as pessoas mais indecisas – ou que ainda não sabem bem o que querem – nas suas escolhas

Se é uma daquelas pessoas que sabe o que quer, então talvez este artigo não seja para si. Se pelo contrário procura cadeiras para escritório mas não se consegue decidir então nós vamos dar uma ajuda.

Mas antes de avançarmos vamos ter algumas coisas em conta:

Trabalhar num escritório implica normalmente passar muito tempo sentado na cadeira em posições que colocam a nossa espinha dorsal em stress. Por isso ao comprar cadeiras para o seu escritório deve vê-las como um investimento para a saúde, produtividade e bem-estar dos seus trabalhadores.

Por isso, na sua busca pela melhor cadeira possível – dentro do seu orçamento – reconheça a importância de escolher apenas cadeiras ergonómicas, que suportem a zona lombar e promovam uma boa postura.

De acordo com o site Spine Health não existe necessariamente “a melhor cadeira”, porém há algumas coisas a ter em conta que permitiram a cada pessoa adaptá-las às suas necessidades.

  1. Altura do Assento: A altura das cadeiras para escritório deve ser facilmente ajustável, sendo a forma mais fácil de o fazer com um nivelador pneumático. Uma cadeira em que o seu alcance varie entre os 40 e os 53 cm do chão deverá funcionar para a maioria das pessoas. Esta capacidade de ajustamento vai permitir que o utilizador da cadeira possa estar com os pés no chão, as coxas na horizontal e os braços ao nível da secretária.
  2. Largura e Profundidade do Assento: O assento deve ter largura e profundidade suficiente para dar um suporte confortável a qualquer pessoa. Normalmente 43 e 50 cm de largura é a medida “standard” e a profundidade deve ser suficiente para que o trabalhador possa encostar as costas no fundo da cadeira, enquanto deixa ainda cerca de 5 a 10 cm entre as costas do joelho e o assento. A inclinação da cadeira também deve ser ajustável.
  3. Suporte Lombar: Esta característica é muito importante. A zona lombar da nossa espinha dorsal faz uma curvatura para dentro, e ficar sentado durante muito tempo sem um suporte adequado para esta zona leva-nos tendecialmente a “derreter” no assento e coloca a zona inferior da espinha em tensão. Uma boa cadeira ergonómica deve ter uma zona lombar ajustável para que cada pessoa possa colocá-la de forma a ficar mais confortável.
  4. Material: O material do assento e das costas deve ser acolchoado o suficiente que nos permita estar confortáveis durantes longos períodos de tempo. Ter um tecido que “respire” é preferível a superfícies mais duras.

Dito isto, aprofundámos ainda a nossa pesquisa e encontrámos as 10 dicas de especialistas para escolher a melhor cadeira para o seu escritório:

  1. Boas Cadeiras de Escritório Têm Costas Completas – oferecem um suporte completo para as costas
  2. As Melhores Têm Assento Em Cascata – em que a frente faz uma curva para baixo, prevenindo que fique a bater atrás dos joelhos.
  3. As Articulações do Utilizador Devem Estar Confortáveis a 90º – segundo o Dr. Matt Tanneberg se as costas, joelhos e tornozelos não estiverem confortáveis num ângulo de 90º a cadeira não é adequada para a pessoa.
  4. A Importância do Estofo (Quanto Mais Respirar Melhor) – deve ser confortável ao toque se vamos ficar sentados muito tempo. Não queremos que crie irritação, comichão ou que aqueça demasiado o corpo.
  5. A Cadeira Deve Ser Ajustável – como já referimos antes
  6. O Ajustamento da Cadeira Não Deve Necessitar de Ferramentas
  7. Uma Boa Cadeira Suporta-nos Mesmo Que Não Tenhamos a Melhor Postura – isto é importante para evitar tensão nas costas e no pescoço, porque teremos sempre a tendência para nos sentarmos mal.
  8. O Assento Deve Ser Adequado Para O Encosto Funcionar – como já dissemos anteriormente, se o assento for muito grande ou a cadeira muito alta, mesmo com um suporte lombar os trabalhadores poderão ficar em esforço. Segundo a Universidade de Iowa, o que acontece nestes casos é que as pessoas têm tendência para se inclinar para a frente para que os pés toquem no chão, sobrecarregando assim a espinha dorsal.
  9. Cadeiras de Topo Devem Permitir o Movimento – segundo uma das maiores empresas de cadeiras ergonómicas (Herman Miller) o movimento e cadeiras que o encorajem ajudam a manter o fluxo de sangue e oxigénio no corpo. As melhores facilitam o movimento enquanto continuam a dar-nos suporte.
  10. Não Esquecer Os Nossos Braços e Ombros – segundo os quiropatas estes é um factor fácil de deixar passar mas é igualmente importante. Se tivermos de encolher os ombros para apoiarmos os cotovelos nos braços da cadeira, é um sinal óbvio de que esta não é a adequada.

Leia outros artigos no nosso Blog

About the author

Posts Relacionados

mobiliário para restauração

Mobiliário Para Restauração – Os olhos também comem

Quando o assunto é “comer” os portugueses não brincam em...

cadeiras e mesas de restaurante

Uma Instalação Perfeita da Mobília Vai Entusiasmar Os Seus Clientes

Se tem um projecto de cafetaria ou restauração em mãos,...

como mobilar restaurante

7 Dicas Para Escolher Mobília Para Restaurante

Ir a um restaurante deve ser uma experiência gastronómica. Desde...

espaço colaborativo escritório

Design Para Escritórios: 8 Tendências Para 2018

Em qualquer dia normal de trabalho existem milhões de pessoas...

Deixar Comentário